LEGH
  • Laboratório de Estudos de Gênero e História retoma grupo de estudos

    Publicado em 12/09/2017 às 19:30

    Docentes e discentes do Laboratório de Estudos de Gênero e História, de 2017.

    No dia 18 de agosto, sexta-feira, o grupo de estudos do Laboratório de Estudos de Gênero e História retomou às atividades. Além da discussão do livro Política Sexual, de Kate Millett (1974), as pesquisadoras se despediram da coordenadora do Laboratório, Cristina Scheibe Wolff, que deu início a mais um pós-doutorado nos Estados Unidos da América e deu boas vindas às novas integrantes.

     


  • Cineclube do LEGH apresenta: Olmo e a Gaivota

    Publicado em 23/08/2017 às 0:28
    É com muito prazer que o Cineclube do LEGH apresenta: Olmo e a Gaivota, uma produção sensível de Petra Costa e Lea Glob que trata de questões difíceis da gravidez que muitas vezes são silenciadas.
    Após o filme, terá uma roda de conversa com a Profª Joana Maria Pedro e também serão emitidos certificados de participação!
    LOCAL: Sala Silvio Coelho dos Santos, nº 110, Departamento de Antropologia – CFH- UFSC
    DATA: 29/08/2017 (terça-feira)
    HORÁRIO: 18h30

  • Lançamento do livro “Histórias de gênero”

    Publicado em 31/07/2017 às 18:43


  • Curso de Extensão “Mulheres de luta: feminismo e esquerdas no Brasil (1964-1985) I”

    Publicado em 17/03/2017 às 12:54

    O Laboratório de Estudos de Gênero e História convida a todos e a todas a participarem das reuniões do curso de extensão “Mulheres de luta: feminismo e esquerdas no Brasil  (1964-1985) I”. As reuniões serão nas QUARTAS-FEIRAS, às 14 h, na sala do LEGH, que fica no 2º andar do CFH. Ao final do semestre, serão emitidos certificados de participação do curso.

    Cronograma de Leituras

    1. 15/03/2017WOLFF, Cristina Scheibe; CRESCÊNCIO, Cintia Lima; PEDRO, Joana Maria. Ondas, mitos e contradições: feminismos em tempos de ditaduras no Cone Sul. In: ROCHA, Marcos Antonio Monte. Feminismos plurais. Fortaleza: Expressão Gráfia e Editora, 2016, p. 53-70.

    2. 22/03/2017BEAUVOIR, Simone de. Capítulo 1: os dados da biologia. In:________. O Segundo Sexo. São Paulo: Difusão Européia do Livro, 1970, p. 25-57.

    3. 29/03/2017 – BEAUVOIR, Simone de. Capítulo 2: o ponto de vista psicanalítico e Capítulo 3: o ponto de vista do materialismo histórico. In: ________. O Segundo Sexo. São Paulo: Difusão Européia do Livro, 1970, p. 58-80.

    4. 05/04/2017 – FRIEDAN, Betty. O problema sem nome. In: ________. Mística Feminina. Petrópolis: Ed. Vozes, 1971, p. 17-31.

    5. 12/04/2017 – COSTA, Albertina. É viável o feminismo nos trópicos? Resíduos de insatisfação — São Paulo, 1970. Cadernos de Pesquisa, n.66, ago. 1988.Disponível em http://publicacoes.fcc.org.br/ojs/index.php/cp/article/view/1206/1212

    6. 19/04/2017 – GOLDBERG, Anette. Tudo começou antes de 1975: Idéias inspiradas pelo estudo da gestação de um feminismo ‘bom para o Brasil’. In: Relações Sociais de Gênero X Relações de Sexo. São Paulo: Núcleo de Estudos da Mulher e Relações Sociais de Gênero – USP, 1989.

    7. 26/04/2017 – TELES, Maria Amélia Almeida. Caminhos Transversais dos feminismos e dos movimentos sociais. In: RIAL, Carmen; PEDRO, Joana Maria; FÁVERO, Sílvia Maria. Diversidades: dimensões de gênero e sexualidade. Florianópolis: Editora Mulheres, 2011.

    8. 03/05/2017 – SAPRIZA, Graciela. Sobre el “difícil matrimonio”. Una indagatoria sobre feminismos e izquierdas en épocas crueles. Anais Eletrônicos do Fazendo Gênero 7. ST 40. Florianópolis: UFSC, 2006. Disponível em: http://www.fazendogenero.ufsc.br/7/artigos/G/Graciela_Sapriza_40.pdf

    9. 10/05/2017 – CARDOSO, Elizabeth. Imprensa feminista brasileira pós-1974. Rev. Estud. Fem.,  Florianópolis ,  v. 12, n. spe, p. 37-55,  Dec.  2004 .

    10. 17/05/2017 – TELES, Amelinha; LEITE, Rosalina Santa Cruz. Da guerrilha à imprensa feminista: a construção do feminismo pós luta armada no Brasil (1975 –1980). São Paulo: Editora Intermeios, 2013. ( A confirmar, possível troca por um texto de Denise Rollemberg

    11. 24/05/2017 – SARTI, Cynthia Andersen. O feminismo brasileiro desde os anos 1970: revisitando uma trajetória. Estudos Feministas, Florianópolis, v. 12, n. 2, p. 35, jan. 2004.

    12. 31/05/2017 – HEMMINGS, Clare. Contando estórias feministas. Revista Estudos Feministas, vol. 17. n. 1, 2009.

    13. 07/06/2017 – ALBERTI, Verena. Histórias dentro da História. In: PINSKY, Carla Bassanezi (org). Fontes Históricas. São Paulo: Contexto. 2005. P. 155-202.

     

    14. 14/06/2017 – PEDRO, Joana Maria. Narrativas fundadoras do feminismo: poderes e conflitos (1970-1978). Revista Brasileira de História, v. 26, p. 249-272, 2006.

    Disponível em http://www.scielo.br/pdf/rbh/v26n52/a11v2652.pdf

     

    15. 21/06/2017 – ABREU, Maira. Nosotras: feminismo latino-americano em Paris. Estudos Feministas, Florianópolis, v. 21, n. 2, p. 553-572, nov. 2013.

     

    16. 28/06/2017 – WOLFF, Cristina Scheibe. Eu só queria embalar meu filho. Gênero e maternidade no discurso dos movimentos de resitência às ditaduras no Cone Sul,

    América do Sul. Revista Aedos. Vol 5, n. 13, 2013, p. 117-131.


  • Certificados de cursos disponíveis

    Publicado em 06/03/2017 às 17:34

    Boa tarde,

    O Laboratório de Estudos de Gênero e História informa a todos e a todas que já estão disponíveis no sistema online da UFSC os certificados de participação nos cursos:

    *Curso Básico de espanhol para o Laboratório de Estudos de Gênero e História – LEGH 

    *Curso – Feminismo, Memória e Pós/De/Des colonialidade ( das reuniões de discussão de texto do 1º semestre de 2016)

    * E também de participação como OUVINTES do evento I Jornada do LEGH, ocorrido em 2015.

    Os certificados podem ser acessados através do link: http://www.certificado.prpe.ufsc.br/index.php

     


  • Primeira reunião LEGH 2017

    Publicado em 20/02/2017 às 9:59

    É com muito prazer que informamos que a primeira reunião do Laboratório de Estudos de Gênero e História desse ano será no dia 15 de Março, às 14 h, na sala do LEGH, que fica no 2º andar do CFH.

    O primeiro texto será “Ondas, mitos e contradições: Feminismos em tempos de Ditaduras no Cone Sul” das autoras Cristina Scheibe Wolff, Cintia Lima Crescêncio e Joana Maria Pedro, e pode ser acessado através do link: 

    file:///C:/Users/ID/Downloads/Ondas,%20mitos%20e%20contradi%C3%A7%C3%B5es.pdf

    Todxs são muito bem vindxs!

     


  • II JORNADA DO LEGH – COMUNICAÇÕES

    Publicado em 15/11/2016 às 22:59

    Atenção!

    As comunicações da II Jornada do LEGH acontecerão em três salas, entre as 13:30 e 17:30 h do dia 22 de Novembro.

    O evento é aberto e gratuito, estão todos e todas convidados!  Lembrando que a inscrição para ouvinte é até o dia 22 de Nov através do formulário: https://docs.google.com/forms/d/177HAG6oQtUMbl9ldCv4tr_q73pDtAuEaSMV07TXi3ic/edit

    Vem gente! 🙂

     

    AUDITÓRIO CSE:

    COORDENAÇÃO DA SALA: NASHLA DAHÁS

    GÊNERO E HISTÓRIA

     

    MISOGINIA, GÊNERO E O GOLPE. BRASIL, 2016

    Cristina Scheibe Wolff

     

    EMOÇÕES À FLOR DA PELE – NARRATIVAS DO CORPO NA RETÓRICA DE RESISTÊNCIA ÀS DITADURAS DO CONE SUL

    Raísa Adrianne Gomes

     

    A NARRATIVA DA REVOLUÇÃO NO TEMPO DOS MOVIMENTOS FEMINISTAS E SUAS SENSIBILIDADES POLÍTICAS

    Nashla Dahás

     

    NAS MILITÂNCIAS POLÍTICAS DE ESQUERDA, UMA SUBVERSÃO AO GÊNERO

    Arielle Rosa Rodrigues

     

    CRIANDO LAÇOS, FAZENDO REDES: ENCONTROS E ARTICULAÇÕES FEMINISTAS NO BRASIL

    Claudia Regina Nichnig

     

    QUANDO O INIMIGO É A LEI: VIOLÊNCIAS CORPORAIS E SIMBÓLICAS CONTRA MULHERES PROSTITUTAS NAS PRÁTICAS POLICIAIS DA REGIÃO CARBONÍFERA CATARINENSE (1940-1970)

    Adriana Fraga Vieira

     

    POLÍCIA MILITAR DE SANTA CATARINA: RELAÇÕES DE PODER E SUBJETIVIDADES (1960-1961)

    Fernanda Arno

     

    DISPUTAS PELA HONRA SEXUAL: DOMÉSTICAS E PATRÕES (PORTO ALEGRE, 1890-1920)

    Carlos Eduardo Millen Grosso

     

    SALA 201 CSE:

    COORDENAÇÃO DA SALA: RENATA DOS SANTOS MAIA

    GÊNERO E HISTÓRIA

     

    FRAGMENTOS DE UMA BIOGRAFIA: HELENA GRECO E O COLÉGIO CATÓLICO SANTA MARIA EM BELO HORIZONTE (1923-1932)

    Kelly Cristina Teixeira

     

    “LAÇOS DE PAPEL”: ANÁLISE DAS CORRESPONDÊNCIAS ENVIADAS DA BARONESA AMÉLIA PARA SUA FILHA AMÉLIA NOS ANOS DE 1885 A 1917 EM PELOTAS/ RS

    Talita Gonçalves Medeiros

     

    RESIDÊNCIA MÉDICA EM GINECOLOGIA E OBSTETRÍCIA – UMA ANÁLISE FEMINISTA DOS PROGRAMAS E MANUAIS DE ROTINAS

    Silvana Maria Pereira

     

    LOBO EM PELE DE CORDEIRO: UMA MULHER NA DEFESA DO ESPIRITISMO NA IMPRENSA BLUMENAUENSE DE 1952

    Luiz Cláudio São Thiago de Melo Altenburg

     

    LA TETA ASUSTADA: MEMÓRIAS DE UMA HISTÓRIA DE DOR

    Renata Santos Maia

     

    [VENDO] A PATERNIDADE NAS PÁGINAS DA VEJA (1980-1988)

    Jessica Caroline Zanella

     

    FONTES ORAIS, GÊNERO, HISTÓRIA: ALGUNS APONTAMENTOS SOBRE AS ESPECIFICIDADES DAS PESQUISAS EM CIÊNCIAS HUMANAS E SOCIAIS FRENTE AOS COMITÊS DE ÉTICA EM PESQUISA COM SERES HUMANOS

    Valderiza Almeida Menzes

     

    AS REPRESENTAÇÕES SOBRE OS FEMININOS NA MÚSICA BREGA

    Cristiane Pereira Martins

     

    SALA 205 CSE :

    COORDENAÇÃO DA SALA: DULCELI DE LOURDES TONET ESTACHESKI

     

    A REPRESENTAÇÃO DA FAMÍLIA BRASILEIRA EM MANUAIS DE CIVILIDADE DO SÉCULO XXI

    José Roberto Corrêa Such

     

    GÊNERO NA ESCOLA: DIÁLOGOS NECESSÁRIOS NA FORMAÇÃO DOCENTE Dulceli de Lourdes Tonet Estacheski

     

    A CONSTRUÇÃO DO PLANO MUNICIPAL DE EDUCAÇÃO NO MUNICÍPIO DE PAULO LOPES/SC E SUAS INTERFACES COM A RELIGIÃO

    Odair de Souza

     

    UMA PERSPECTIVA DE GÊNERO NA LEITURA DE IMAGENS DOS LIVROS DIDÁTICOS DE HISTÓRIA

    Rebecca Corrêa e Silva

     

    GÊNERO E DIVERSIDADE SEXUAL NO ENSINO DE JOVENS E ADULTOS

    Ana Paula Bührer Gonçalves

     

    GÊNERO E DIVERSIDADE: RELATO DE EXPERIÊNCIA DE OFICINA NO PIBID HISTÓRIA UFSC

    Soraia Carolina de Mello / Jair Zandoná

     

     

     

     


  • 2ª Jornada do LEGH: gênero e ensino de história

    Publicado em 20/10/2016 às 17:49

    Imagem evento face

    Convidamos a todas para a 2ª JORNADA DO LEGH: GÊNERO E ENSINO DE HISTÓRIA, com o objetivo de promover o debate sobre as questões que envolvem gênero e ensino de história, problematizando o atual debate sobre a chamada “ideologia de gênero” e contribuindo com o diálogo que busca um ensino democrático.

    As inscrições para apresentação de trabalho e ouvinte já estão abertas.

    Comunicadores: https://docs.google.com/forms/d/1fI1_m_BHjPvsH0dlfymhjzALzynroScD6HoEdKcysB0/viewform?edit_requested=true

    Ouvintes: https://docs.google.com/forms/d/177HAG6oQtUMbl9ldCv4tr_q73pDtAuEaSMV07TXi3ic/viewform?edit_requested=true

    PROGRAMAÇÃO

    8h30 – CREDENCIAMENTO

    9h – Mesa de Abertura

    9h30 – Mesa Redonda: “Interfaces e diálogos sobre gênero e ensino de história: uma escola igualitária”.
    Jaqueline Zarbatto – UFMT
    Joana Vieira Borges – UFSC
    Nucia Alexandra Silva de Oliveira – UDESC

    12h – INTERVALO

    13:30 h-17:30h – Comunicações de Pesquisas

    17:30h – INTERVALO

    18:30 h – Conferência: “Atravessamentos de gênero, sexualidade e educação: tempos difíceis e novas arenas políticas”.
    Fernando Seffner – UFRGS

    CRONOGRAMA:
    Abertura das inscrições para comunicações (resumos): 20 de outubro a 09 de novembro
    Avaliação das comunicações pela comissão científica: 10 e 11 de novembro
    Envio das cartas de aceite: até 16 de novembro
    Divulgação da programação definitiva: 18 de novembro
    Inscrição de ouvintes: 20 de outubro a 22 de novembro


  • Convite para os próximos encontros! – 26/10 a 09/11

    Publicado em 19/10/2016 às 20:28

    Olá pessoal,

    Nas duas últimas quartas-feiras, dia de encontro no LEGH, não houve atividade no laboratório: dias 05 e 12 deste mês foram, respectivamente, data do lançamento da campanha ‘Por uma escola sem mordaça’¹ e feriado nacional em nosso belo e laico Estado “para culto público e oficial a Nossa Senhora Aparecida, Padroeira do Brasil”². Portanto, temos alterações no cronograma de leituras, que segue corrigido logo abaixo. Continuaremos com as discussões do livro “A História da Sexualidade vol.III – O Cuidado de Si”, de Michel Foucault:

    26/10 – Capítulo IV: O corpo (na ausência das professoras Cristina e Janine, a reunião será extraordinariamente coordenada pela prof.ª Nashla Dahás)
    02/11 – Capítulo V: A mulher
    09/11 – Capítulo VI: Os rapazes

    Convidamos a todes!

    FOUCAULT, Michel – História da Sexualidade III

    ¹”Frente unitária formada por centrais sindicais, sindicatos, partidos políticos, mandatos parlamentares, movimentos sociais, estudantis e populares em defesa da liberdade de expressão e de opinião nos estabelecimentos de ensino e contra quaisquer formas de opressão, violência e censura aos profissionais da educação”. (Definição da própria campanha em sua página de Facebook)
    ² http://www.planalto.gov.br/ccivil_03/leis/L6802.htm – Lei 6.802/80


  • CONVERSA COM ALEJANDRA OBERTI

    Publicado em 29/09/2016 às 12:17

    Convidamos todas e todos para participar da conversa que acontecerá hoje, 29/09 às 14:30h na sala do LEGH com a professora pesquisadora Alejandra Oberti.
    Alejandra é professora de sociologia na Universidad de Buenos Aires e pesquisadora no Instituto Interdisciplinario de Estudios de Género na mesma universidade. Desde 2005 é coordenadora do Arquivo Oral e do Programa de História Oral do Instituto Memoria Abierta. Especializada em estudos de gênero, memória e o passado recente argentino, seu último livro publicado é intitulado Las revolucionarias: militancia, vida cotidiana y afectividad en los setentaconversa com oberti